sábado, 25 de março de 2017

Aprendemos com os erros


O primeiro passo para ultrapassar um erro é perdoarmos a nós mesmos. Ou então seria pedir-mos desculpa a quem magoamos. As pessoas normalmente não se esquecem dos erros dos outros e eu não sou excepção. Costumava estar segura de mim mesma, de fazer as coisas certas e não digo criticar ou julgar, mas falar dos erros dos outros como exemplo. Hoje sou eu quem erro, não uma, não duas, mas sim imensas vezes, ao ponto de a minha palavra não valer de nada. Tenho saudades de quando era nova, da minha ignorância, dos meus valores, etc. A nossa consciência consegue matar-nos "psicologicamente". Ninguém consegue fazer-te sentir pior, senão tu mesmo. Neste momento sinto que sou uma pessoa horrível na vida amorosa. Não culpo ninguém, senão eu mesma. Eu fiz com que isto acontecesse, eu fiz porque quis. Para quem está a ler isto, quero referir que é apenas um desabafo e que reflictam no meu exemplo. Até parece que aconteceu algo muito mau, não! Mas isso não impede de me sentir mal com as minhas atitudes. Acho que isto serviu para eu não falar muito dos outros e limpar as asneiras da minha vida. Agora só resta esperar que o tempo passe e estar quieta no meu canto. Mas tenho a noção que muitas pessoas adorariam ver-me assim, mal. Enfim, asneiras são muitas e esta com certeza não será a última, mas a mesma não será cometida. E o que importa é aprender com as nossas ações.   

2 comentários:

  1. É com os erros que aprendemos, se não for na 1ª é na 2ª mas acabamos sempre por aprender :) Força, beijinhos.

    ResponderEliminar
  2. Esta é mesmo a melhor forma de encarar :)

    ResponderEliminar